Criada em 18/11/2020 às 07h42 | Negócios

Exportações de carne do Tocantins para a China têm crescimento de 2.702% e alavancam números do Estado neste ano

No geral, Estado quase dobrou valores exportados de janeiro a outubro de 2020. Em volume, o crescimento total das exportações foi menor e ficou em 56% - 66 mil toneladas agora contra 42,5 mil toneladas dos primeiros dez meses do ano passado. Pecuarista Nasser Iunes comenta resultados.

Imagem


Clique aqui e acompanhe o programa Norte
Agropecuário no Rádio na Jovem FM

 

DANIEL MACHADO
DE PALMAS (TO)

Maior comprador de soja do Tocantins há muito tempo, a China também passou a ser este ano o principal destino da carne exportada pelo Estado. Conforme apuração do Norte Agropecuário, de janeiro a outubro deste ano as exportações de carne para o gigante asiático chegaram a US$ 147,7 (R$ 794,8 milhões), um aumento de 2.702% em relação ao mesmo período do ano passado.

Com os números dos chineses, as exportações de carne do Estado no período chegaram a US$ 270,7 milhões (mais de R$ 1,44 bilhão), maior valor disparado já registrado para os primeiros dez meses do ano. Na comparação com 2019, a elevação foi 95%.

Os dados brutos foram coletados no sistema Comex Stat, mecanismo oficial do governo federal com as informações de transações comerciais internacionais. Após a coleta, o Norte Agropecuário faz a análise detalhada, com todas as comparações.

Em volume, o crescimento total das exportações foi menor e ficou em 56% - 66 mil toneladas agora contra 42,5 mil toneladas dos primeiros dez meses do ano passado.
Na prática, isso significa que os preços pagos pela carne tocantinense melhoram para o produtor em 2020. Em média, cada quilo de carne exportada foi vendido por US$ 4,09 (R$ 21,90) agora, contra US$ 3,26 (R$ 17,47) dos primeiros dez meses do ano passado.

Ao todo, os valores exportados para a China representam 55% do total. Na segunda colocação entre os maiores compradores, está Hong Kong com US$ 34,9 milhões (13% do total) e a Rússia e a terceira, com US$ 32,9 milhões (12%).

CLIQUE NESTE LINK, BAIXE O PODCAST E OUÇA A ENTREVISTA SOBRE O ASSUNTO

ANÁLISE DE PRODUTOR

Pecuarista e produtor rural de Araguaína, Nasser Iunes comemorou os resultados positivos das exportações de carne. Para ele, o momento é muito positivo para classe agropecuária e para a balança comercial do Estado.

Ele lembrou que o Estado tem uma proporcionalidade maior de rebanho em relação a população na comparação com outras unidades da federação. “Com a habilitação de duas plantas no final do ano passado pela China, nós conseguimos alcançar uma condição muito boa, principalmente levando em conta que a carne brasileira, por causa do câmbio, se tornou mais barata. A carne brasileira é a terceira mais barata do mundo”, frisou.

Segundo Nasser Iunes, mesmo com essa condição, o preço pago ao produtor é muito bom, garantindo remuneração justa e faturamento.

No próximo domingo, no Norte Agropecuário no Rádio, ouça reportagem em áudio sobre o tema com comentário completo do produtor Nasser Iunes.

Exportações de carne de janeiro a outubro no Tocantins:

2020 – US$ 270,7 milhões (mais de R$ 1,44 bilhão)
Aumento em relação ao mesmo período do ano passado de 95%

Volume exportado – 66 mil toneladas (aumento de 56% em relação ao mesmo período do ano passado)

Valor médio do quilo exportado

2020 – US$ 4,09

2019 – US$ 3,26

Valor vendido para a China em 2020 – US$ 147,7 milhões

Valor vendido para a China em 2019 – US$ 5,2 milhões

Aumento percentual de vendas de carne para a China – 2.702%


Clique no ícone acima e acompanhe o programa 
Norte Agropecuário no Rádio na Jovem FM


Clique no ícone acima e acompanhe a reportagem 

Tags:

Comentários


Deixe um comentário

Redes Sociais
2020 Norte Agropecuário