Criada em 11/09/2020 às 09h10 | Investigação

Mais de 5 mil hectares são destruídos por fogo em fazendas localizadas entre Barrolândia e Miracema do Tocantins

“Ano passado o incêndio foi provocado por solda no momento de manutenção dos trilhos. Ontem, parece que por descarrilamento gerou faísca e como não tem controle da vegetação o fogo se alastrou em diversas propriedades”, disse o proprietário da área, José Américo Vasconcelos.

Imagem

Pelo segundo ano consecutivo, queimada causa prejuízos em propriedade rural localizada entre os municípios de Barrolândia e Miracema do Tocantins, na região central do Estado.

De acordo com o proprietário da Fazenda Gameleira, o agrônomo José Américo Vasconcelos, mais de 5 mil hectares foram queimados. “Ano passado o incêndio foi provocado por solda no momento de manutenção dos trilhos. Ontem, parece que por descarrilamento gerou faísca e como não tem controle da vegetação o fogo se alastrou em diversas propriedades”, disse.

CLIQUE NESTE LINK E CONFIRA MAIS FOTOS DA DESTRUIÇÃO EM UMA DAS FAZENDAS

Uma equipe da VLI Logística, que administra a ferrovia, fez vistoria em uma das propriedades na manhã desta sexta-feira, dia 11. Após contato do Norte Agropecuário, a VLI se manifestou sobre o fato. Por meio de sua assessoria, informou que: A VLI, controladora do tramo norte da Ferrovia Norte-Sul, informa que as causas do incêndio estão sendo apuradas. A empresa esclarece que não havia atividades de manutenção no trecho, nos últimos dias, e está mobilizando recursos para auxiliar no combate ao fogo.

O Norte Agropecuário no Rádio apresentou no domingo, dia 6, um especial sobre queimadas em propriedades rurais. Confira os assuntos abordados: 

Professor que teve chácara quase destruída por queimadas relata rastro de danos a florestas e animais mortos

Queimada: "Prejuízo financeiro é imenso, mas o que mais me choca é o dano à natureza", diz professor que teve chácara destruída

Especial “Queimadas”: "Isso não é cultural, é falta de cultura, falta de educação", reage o titular da Seder, Roberto Sahium

Conscientização, educação ambiental e monitoramento são as melhores formas de prevenção, diz secretário Renato Jaime

Chácara é praticamente destruída por queimada no norte do Tocantins

 



Tags:

Comentários


Deixe um comentário

Redes Sociais
2020 Norte Agropecuário