Criada em 14/01/2021 às 07h47 | Negócios

França, de Macron, comprou mais de R$ 2,8 bilhões (US$ 568 milhões) em soja do Brasil em 2020; Mapa emite nota

Em números exatos são: US$ 568.229.562. Ao converter para a moeda brasileira, com a cotação de 30 de dezembro passado, o montante chega a R$ 2.841.147.810‬. Ao todo, foram 1.725.060.216 quilos/litros dos grãos e variedades produtos. Houve uma queda em relação a 2019.

Imagem

 


Em comunicado oficial, o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) reagiu às declarações do presidente da França, Emmanuel Macron, sobre a produção de soja brasileira. “A declaração do presidente francês, Emmanuel Macron, sobre a soja brasileira mostra completo desconhecimento sobre o processo de cultivo do produto importado pelos franceses e leva desinformação a seus compatriotas”, afirma o Mapa. “A soja brasileira, portanto, não exporta desmatamento”, complementou o ministério.

Como o Norte Agropecuário informou, somente em 2020, a França comprou do Brasil US$ 568.229.562 em soja. Ao converter para a moeda brasileira, com a cotação do dólar de 30 de dezembro passado, o montante chega a R$ 2.841.147.810. O valor se refere a soja, mesmo triturada; tortas e outros resíduos sólidos da extração do óleo de soja; e óleo de soja e respectivas fracções, mesmo refinados, mas não quimicamente modificados. Ao todo, foram 1.725.060.216 quilos/litros dos produtos. Houve uma queda em relação a 2019, ano que registrou comercialização de US$ 645.145.288, ou seja, 1.956.010.436 quilos/litros.

Em comparação, os números, de fato, são bem inferiores à China e Honkg Kong, os principais compradores da oleaginosa brasileira. Somente em 2020 os chineses pagaram US$ 21.045.313.959 por 60.839.134.269 de quilos e/ou litros. Em 2019 foram comercializados US$ 20.604.175.610 (58.214.518.782 quilos/litros).

SAIBA MAIS SOBRE O ASSUNTO:

Abiove, que tem ex-ministro Blairo Maggi na presidência de seu conselho, rebate Macron

Aprosoja vê pressão política em ameaça da França e defende produção brasileira: “Estão tentando induzir o mercado”

Confira, na íntegra, o comunicado do Mapa:

"Nota Oficial - Sustentabilidade da soja brasileira

O Brasil tem uma das legislações ambientais mais rigorosas do mundo e utiliza tecnologias reconhecidas que ampliaram a sustentabilidade de sua produção agropecuária.

A declaração do presidente francês, Emmanuel Macron, sobre a soja brasileira mostra completo desconhecimento sobre o processo de cultivo do produto importado pelos franceses e leva desinformação a seus compatriotas.

O Brasil é o maior produtor e exportador de soja do mundo, abastecendo mais de 50 países com grãos, farelo e óleo. Detém domínio tecnológico para dobrar a atual produção com sustentabilidade, seja em áreas já utilizadas, seja recuperando pastagens degradadas, não necessitando de novas áreas. Toda a produção nacional tem controle de origem.

A soja brasileira, portanto, não exporta desmatamento.

Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento - Mapa"

 


Clique no ícone acima e ouça o programa de rádio

 


Clique no ícone acima e ouça a entrevista


Clique e ouça o pronunciamento 


Clique no ícone acima e confira a entrevista do Ministério da 
Economia sobre os dados da balança comercial brasileira. 

 


Clique no ícone acima e ouça o programa


Clique neste link e confira a entrevista
 


Clique no ícone acima e ouvir o programa de rádio



Clique no ícone acima e confira o programa de rádio

 
Clique no ícone acima e ouvir a reportagem

Tags:

Comentários


Deixe um comentário

Redes Sociais
2021 Norte Agropecuário