Criada em 22/09/2021 às 11h04 | Artigo

Investimentos em Renda Fixa no Agronegócio: uma alternativa viável

Economista, contador e especialista em Gestão Estratégica da Inovação, Gabriel Machado explica mundo dos investimentos como alternativa para o agronegócio.

Imagem
Economista, contador e especialista em Gestão Estratégica da Inovação, Gabriel Machado explica mundo dos investimentos como alternativa para o agronegócio. (Foto: Divulgação)

Por Gabriel Machado* 

Em uma era promissora no setor do agronegócio no Tocantins e no Brasil, talvez você queira investir, mas não tem terras e nem a expertise de um gestor da área.

Então deve estar se perguntando de que forma e onde aplicar o investimento com segurança.

A resposta é simples: no mercado financeiro;

Bom, agora que já sabe, vamos nos aprofundar um pouco no tema.

Qual o melhor título para o investidor? Sendo sucinto, não existe o melhor título, e sim qual o perfil que o investidor tem que no geral pode ser:
 Arrojado (maior risco).
 Moderado (aceita algum tipo de risco, porém calculado).
 Conservador (risco pequeno).

Agora vamos entender alguns mercados:
Renda variável é que Renda fixa
O mercado de renda variável é onde se compra títulos ou moedas do setor do agronegócio como ações e criptomoedas, respectivamente. É neste mercado que se tem mais chances de lucro grande e de forma muito rápida, bem maior que qualquer das outras opções.

No entanto, rendimentos dos mesmos depende necessariamente do mercado e por isso é imprevisível se o investidor terá rentabilidade. Esse tipo de investimento é para o perfil arrojado porque existe muita oscilação de mercado e sua rentabilidade pode ser comprometida, gerando inclusive prejuízos, principalmente no Brasil que além da pandemia, se tem constantemente instabilidade política e econômica.

Uma alternativa indicada no geral para um perfil conservador é um título de renda fixa chamado de LCA - Letra de Crédito do Agronegócio que pode ser um bom negócio com rendimentos acima da inflação.

Existe três tipos de LCA - Letra de Credito do Agronegócio:
 Prefixado: aquele título que já se sabe o percentual da rentabilidade no momento do contrato.
 Pós-fixado: aquele título que a rentabilidade depende de um indexador como exemplo a CDI - Certificado de Depósito Interbancário.
 Mistos: que é uma mistura entre prefixado e pós-fixado.

Mas o que é LCA? Em suma, é um título de investimento que gera uma obrigação do credor em geral instituições financeira ao investidor. Isto é, o investidor empresta dinheiro e, na data do vencimento do título, receberá o dinheiro que emprestou mais uma rentabilidade.

Vamos para os exemplos:
Exemplo 1:
Hoje 13/09/2021
Investimento de LCA pós-fixado: R$ 10.000,00
150% da CDI
Rentabilidade aproximada: R$ 3.252,72
Valor a ser resgatado aproximadamente no dia 01/07/2024
R$ 13.252,72
Por se tratar de pós-fixado os valores acima podem mudar.

Exemplo 2:
Hoje 13/09/2021
Investimento de LCA prefixado: R$ 10.000,00
Taxa de rentabilidade: 10% aa.
No dia 13/09/2024 terá uma rentabilidade aproximada de:
R$ 13.310,00

Só é possível os exemplos acima porque os títulos são de renda fixa e com isso se tem como saber antes de contratar a sua rentabilidade aproximada e assim o investidor pode optar pelo LCA mais vantajoso.

Vale ressaltar algumas vantagens do LCA: são isentos de Imposto de Renda e também estão assegurados pelo FGC - Fundo Garantidor de Crédito. Assim, caso ocorra algum problema com o credor o pagamento ao investidor fica assegurado pelo FGC.

*Gabriel Machado é economista, contador e especialista em Gestão Estratégica da Inovação

Comentários


Deixe um comentário

Redes Sociais
2022 Norte Agropecuário