Criada em 28/11/2019 às 08h03 | Pecuária

Arroba do boi fecha dia com R$ 210 em Araguaína; aumento é de 3% em relação aos valores da semana passada no Tocantins

O aumento do preço da arroba do boi gordo continua em elevação nas principais praças de produção e comercialização do país. A tendência do mercado é que com a disparada dos preços os pecuaristas optem por negociar animais mais leves.

Imagem
Valores das negociações da arroba do boi gordo no Tocantins estão 3% mais altas em relação à semana passada (foto: Mapa/Divulgação)

O valor da arroba do boi gordo fechou a quarta-feira, dia 27, com o custo de até R$ 210,00 em Araguaína, no norte do Estado do Tocantins. As informações são de vendedores de gado e demais membros da cadeia da pecuária tocantinense ouvidos pelo Norte Agropecuário. 

Esses números se referem a negociações feitas com prazo de 30 dias para pagamento. O valor é 3% maior aos preços praticados na semana passada. À vista, em algumas partes do Estado, é possível efetuar compras por até R$ 195,00. O Norte Agropecuário apurou que há criadores de gado segurando o gado no pasto aguardando ainda mais altas.

O ALTO PREÇO DA CARNE

Nas últimas semanas o preço da carne disparou em estabelecimentos comerciais de Palmas e do interior. No Norte Agropecuário no Rádio, o tema teve amplo destaque ao tema, com detalhes da situação. Inclusive, dados da exportação de carne no Estado, que aumentou e também pressionou os preços.

Representante do setor de frigoríficos declarou: “Não temos boi gordo e nem gado magro para reposição”. Já, membro do setor varejista de supermercados informou que já faltou carne este ano.

VEJA TAMBÉM

Descapitalizado, produtor reduziu o plantel, afirma liderança do agronegócio ao destacar defasagem de preço para os pecuaristas

“Não temos boi gordo e nem gado magro para reposição”, diz indústria; “Faltou carne este ano”, destacam supermercados

“É um momento de ajuste”, afirma ministra da Agricultura sobre altos preços da carne: “Essa euforia não continua”

CLIQUE AQUI E OUÇA OUTRAS EDIÇÕES DO PROGRAMA NA UFT FM

O programa de rádio do Norte Agroepecuário também abordou o tema sob o viés do produtor, o criador de gado. Liderança ruralista afirmou que “descapitalizado, produtor reduziu o plantel”. E mais: Desde 2013 os produtores estão sem reajuste e apontou números que confirmam a defasagem do preço do gado do pecuarista para os frigoríficos.

NÚMEROS NACIONAIS

O aumento do preço da arroba do boi gordo continua em elevação nas principais praças de produção e comercialização do país.

A tendência do mercado é que com a disparada dos preços os pecuaristas optem por negociar animais mais leves, o que pode provocar novas lacunas de oferta durante o primeiro semestre.

Em São Paulo, os preços passaram de R$ 233 para R$ 235 por arroba. Em Minas Gerais, preços de R$ 232 a arroba, contra R$ 229 a arroba ontem. Em Mato Grosso do Sul, preços em R$ 225 a arroba, contra R$ 220 a arroba anteriormente. Em Goiânia (GO), o preço passou de R$ 219 a arroba para R$ 222 a arroba. Já em Mato Grosso o preço subiu de R$ 201 para R$ 213 a arroba do boi gordo.

Tags:

Comentários


Deixe um comentário

Redes Sociais
2019 Norte Agropecuário