Criada em 19/08/2017 às 09h14 | Agricultura

Seagro abre sindicância para apurar sumiço de tratores de programa que custou R$ 28 milhões aos cofres públicos

Programa lançado em 2013 previa investimento de R$ 28 milhões, com expectativa de entrega de mais de 200 tratores a municípios tocantinenses, além de 220 grades aradoras, 226 calcareadeiras, 226 plantadeiras, 106 pulverizadores, 108 roçadeiras, 4 perfuradores de solo.

Imagem
Tratores eram entregues aos municípios em eventos públicos; máquinas "desfilavam" pelas principais ruas das cidades (foto: Joatan Silva/SecomTO/Arquivo)

A Secretaria do Desenvolvimento da Agricultura e Pecuária do Tocantins (Seagro) abriu sindicância para apurar o sumiço de tratores do programa Terra Forte em quatro municípios do Estado: Colinas do Tocantins, Piraquê, Nazaré do Tocantins e Goiatins.

A portaria assinada pelo secretário da Agricultura, Clemente Barros, é datada de terça-feira, dia 15 de agosto, mas goi publicada apenas nessa sexta-feira, 18, no Diário Oficial do Estado (DOE).

Servidores foram designados pela Seagro para realizar a sindicância. “Comissão com a finalidade de realizar, no prazo de 30 dias, podendo ser prorrogáveis por mais 30 dias, para abertura de sindicância a fim de apurar responsabilidades de sinistro e sumiço de tratores e equipamentos agrícolas do Programa Terra Forte nos Município de Colinas do Tocantins, Piraquê, Nazaré do Tocantins e Goiatins constante do Processo nº 2017.33000.00001, para apurar a existência de fatos irregulares e determinar os responsáveis”, descreve a portaria assinada por Clemente Barros.

R$ 28 MILHÕES

Lançado em 2013, na gestão do governador Siqueira Campos (hoje sem partido), o programa Terra Forte previa investimento de R$ 28 milhões com entrega de tratores e implementos a municípios para atendimento aos agricultores familiares. Na época, a Seagro informou que 100% dos maquinários já haviam sido entregues. E, segundo a gestão, foram repassados 230 tratores, 220 grades aradoras, 226 calcareadeiras, 226 plantadeiras, 106 pulverizadores, 108 roçadeiras, 4 perfuradores de solo, num investimento de mais de R$ 28 milhões.

Tags:

Comentários

{{c.nome}}
{{c.comentario}}
{{c.dataCriacao}} às {{c.horaCriacao}}

Deixe um comentário

Redes Sociais
2017 Norte Agropecuário